OUÇA AO VIVO 750 AM

Tiroteio em escola de Suzano deixa 10 mortos e 13 feridos, diz Polícia

Tiroteio em escola de Suzano deixa 10 mortos e 13 feridos, diz Polícia Militar. Dois ex-alunos entraram na escola encapuzados e abriram fogo contra alunos e funcionários e depois comentaram suicídio. Motivação do crime ainda não está clara, disse o secretário de Segurança Pública de São Paulo, João Camilo Pires de Campos.

Até o momento são 06 alunos mortos, destes quatro adolescentes, dois funcionários e os dois atiradores.

Vice Mourão lamenta massacre em Suzano e culpa videogames violentos

Os atiradores foram identificados pela polícia e são: Guilherme Taucci Monteiro, de 17 anos, e Luiz Henrique de Castro, de 25 anos. Os dois cometeram suicídio em seguida. Castro completaria 26 anos no próximo sábado.

Muitas ambulâncias do Corpo de Bombeiros e do Samu estão no local. A escola estadual Raul Brasil, onde aconteceu o ato atende cerca de 1.000 alunos. O tiroteio foi por volta das 09h50.

Os mortos são:

  • Marilena Ferreira Vieira Umezo, coordenadora pedagógica
  • Eliana Regina de Oliveira Xavier, agente de organização escolar
  • Pablo Henrique Rodrigues, aluno
  • Cleiton Antonio Ribeiro, aluno
  • Caio Oliveira, aluno
  • Samuel Melquíades Silva de Oliveira, aluno
  • Douglas Murilo Celestino, aluno
  • Jorge Antonio de Moraes, comerciante, morto antes da entrada dos assassinos na escola; ele é tio de Guilherme, um dos assassinos

Entre os nove feridos estão:

  • Leticia Melo Nunes
  • Samuel Silva Felix
  • Beatriz Gonçalves
  • Anderson Carrilho de Brito
  • Murilo Gomes Louro Benite
  • Jennifer Silva Cavalcanti
  • Leonardo Vinicius Santana
  • Adna Bezerra
  • Guilherme Ramos

Atualizado 16h25.

Jesse Nascimento

 

WhatsApp chat