OUÇA AO VIVO 750 AM

Quase 40% dos brasileiros não sabem citar medida positiva do governo Bolsonaro

“O que o presidente fez de melhor até agora?” A pergunta foi feita pelo Datafolha a duas mil, 860 pessoas com mais de 16 anos, em 130 cidades do país entre os dias 4 e 5 de julho.

bolsonaro
O presidente Jair Bolsonaro (PSL) fala à imprensa em Brasília-DF

A resposta de 39 em cada 100 entrevistados foi “nada”. Eles não conseguiram citar nenhuma medida positiva do governo de Jair Bolsonaro até aquele momento.

Já entre os entrevistados que responderam, 8 em cada 100 consideraram que houve avanços na segurança, 7 por cento mencionaram a reforma da Previdência como ponto positivo.

Para 4 em cada 100 entrevistados, o ponto positivo do governo Bolsonaro é o combate à corrupção e 4% citaram os decretos de flexibilização da posse e do porte de armas.

Uma em cada 100 pessoas disse que a melhor medida até o momento o fim do horário de verão, confirmado pelo presidente no último mês de abril.

A pesquisa Datafolha também questionou sobre o que Bolsonaro teria feito de pior desde que assumiu. Para essa pergunta, 18% disseram que nada. Para 21 em cada 100, os decretos sobre as armas foram as piores medidas.

Na sequência, aparece a reforma da Previdência, citada por 12% das pessoas.

Declarações consideradas desnecessárias, cortes de verbas na educação, racismo ou homofobia e  aumento do desemprego também foram lembradas como medidas ruins do governo.

De acordo com o Datafolha, a margem de erro da pesquisa é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos, e o índice de confiança é 95%.

 

Fonte: Diário de Jacareí

WhatsApp chat