OUÇA AO VIVO 750 AM

Ford em Taubaté congela salários

Ford em Taubaté congela salários, após acordo em assembleia. O Plano de Demissão Voluntária (PDV) também está liberado. Os planos da montadora preveem a adesão de até 160 funcionários, que são considerados excedentes na fábrica do Vale do Paraíba, que é responsável pela fabricação de motores e transmissões.

O acordo com o Sindicato dos Metalúrgicos de Taubaté ocorre após a Justiça determinar que a Ford e o Sindicato chegassem a um consenso a respeito do excedente de trabalhadores na planta de Taubaté.

10 mil pessoas precisam fazer o recadastramento do benefício de prestação continuada na região

Em Janeiro, 12 funcionários foram demitidos, o que ocasionou em greve de três dias, Ficou acordado com o Sindicato que estes 12 funcionários serão incluídos no PDV.

Também na assembleia de ontem foi decidido que os funcionários que não entrarem no PDV terão estabilidade até o fim do ano.

Jesse Nascimento

WhatsApp chat