OUÇA AO VIVO 750 AM

Fatec homenageia ambientalista com nome na unidade de Jacareí

ambientalista
O professor Francisco de Moura, que já empresta seu nome ao Viveiro Municipal de Jacareí, foi um ambientalista comprometido com a preservação da natureza, flora e fauna

O professor e ambientalista Francisco de Moura, falecido em junho de 2007, aos 82 anos, ganhará mais uma homenagem em Jacareí. A Fatec – Faculdade de Tecnologia, instituição de ensino ligada ao Centro Estadual Paula Souza, passará a se chamar Fatec Professor Francisco de Moura’. A cerimônia de ‘batismo’ acontece no sábado, dia 1º de junho, às 9h30, na sede da instituição, no bairro Avareí.

A ideia surgiu de uma iniciativa da professora Maria Thereza Ferreira Cyrino, atual secretária municipal de Educação, e se consolidou oficialmente com um projeto de lei do deputado estadual Helio Nishimoto (PSDB). A proposta foi aprovada pela Assembleia Legislativa de São Paulo em 28 de dezembro de 2018.

MEMÓRIA
O professor Francisco de Moura, que já empresta seu nome ao Viveiro Municipal de Jacareí, foi um ambientalista comprometido com a preservação da natureza, flora e fauna, “que deixou um legado e uma história de vida, vinculada ao amor e respeito pelo meio ambiente, pelas plantas, pelas árvores”, comenta a diretora da Fatec Jacareí, Selma Candelária Genari.

Moura trabalhou durante décadas na ETEC Cônego José Bento – Escola Agrícola de Jacareí, onde iniciou-se o ‘embrião’ do Viveiro Municipal, posteriormente transferido para o bairro Campo Grande (região sul).

“Sua vida, seu trabalho, suas ações pelo meio ambiente foram de extrema importância e relevância para o Município e para o Brasil, estando o mesmo entre os grandes ecologistas do nosso país”, reforça a professora Maria Thereza Ferreira Cyrino, atual secretária municipal de Educação, e que trabalhou com Moura nos tempos em que ela dirigiu a Etec em Jacareí.

‘SEO MOURA’
Francisco de Moura nasceu em Paraibuna, no dia 21 de março de 1925. Faleceu em 8 de junho de 2007. Iniciou sua jornada profissional na Escola Agrícola de Jacareí, onde atuava como mestre de Agricultura.

Em 1987 recebeu da Câmara Municipal o Título de ‘Cidadão Jacareiense’, projeto de autoria do vereador Mario Ney Daher. Em 1997, foi homenageado com o livro ‘Galeria dos ecologistas’, de autoria de João de Toledo Cabral, escritor e também ambientalista.

Fonte: Diário de Jacareí

WhatsApp chat