OUÇA AO VIVO 750 AM

Aterro sanitário de São José é o único na região a melhorar índice

A nota conferida pela Cetesb (Companhia Ambiental do Estado de São Paulo) ao aterro de São José dos Campos – operado pela Urbanizadora Municipal (Urbam) -, referente ao ano de 2018, aumentou para 9,2. No ano anterior, a nota já havia aumentado para 9. Das cidades que mais movimentaram resíduos na região, apenas São José dos Campos, com 769,36 toneladas diárias –  35% do total -, melhorou o índice.

aterro sanitário sjc
Desde 2017, a Prefeitura passou a realizar investimentos constantes na operação e manutenção do aterro – Foto: Claudio Vieira/PMSJC

O aterro obteve nota 10 – nota máxima – em 2012. O relatório aponta a queda na nota a partir de 2013 (9,7) 2014 (9,7), 2015 (8,6), 2016 (8,8) e nota 9 em 2017 – voltando a crescer. O impacto negativo maior foi registrado em 2015 (8,6).

A partir de 2017, a Prefeitura de São José dos Campos passou a realizar investimentos constantes na operação, na manutenção preventiva, no monitoramento e na ampliação sustentável do aterro sanitário, o que pode ser observado no aumento da nota. A Prefeitura de São José dos Campos, por meio da Urbam, resgatou as boas práticas operacionais e de monitoramento técnico e ambiental com a gestão adequada do aterro sanitário da cidade, cujo reflexo é o aumento da nota da Cetesb. São José dos Campos possui aterro próprio – o que demonstra as boas práticas adotadas pelo município. Um total de 31 cidades do Vale do Paraíba enviam o lixo para aterros particulares.

Ações educativas de conscientização sobre a separação e destinação correta dos resíduos também fazem parte de uma boa gestão. A Urbam realiza diariamente ações de conscientização porta a porta, recebe alunos no Lixo Tour, realiza palestras, exposições e teatro – ações que podem ser conferidas no site: www.urbam.com.br.

O aterro sanitário de São José dos Campos é vizinho do Aeroporto Internacional de São José dos Campos e do Aeroclube São José dos Campos e ambos nunca registraram acidentes com aves – reflexo da operação adequada e do monitoramento de avifauna feitos pela Urbam neste empreendimento durante os últimos 33 anos.

 

WhatsApp chat