OUÇA AO VIVO 750 AM

ACI de São José dos Campos acredita que comércio pode gerar até 7 mil vagas de empregos temporários no natal

A ACI (Associação Comercial e Industrial) de São José dos Campos acredita que comércio pode gerar até 7 mil vagas de empregos temporários no natal. Os números são baseados na quantidade de estabelecimentos que a cidade possuí, que hoje são 9.800.

Os empresários estão muito otimistas com as vendas do Natal e a grande maioria das lojas pretende contratar mão-de-obra temporária neste final de ano. Somados os dados, o Natal 2018 pode ser o melhor dos últimos anos.

Pesquisa ACI/Unitau mostra que expectativa de vendas para o Natal é positiva para mais de 70% dos lojistas na cidade.

O levantamento foi feito entre os dias 7 e 9 de novembro. Foram ouvidas 275 pessoas no Calçadão da Rua 7, Rua 15 de Novembro e nos shoppings CenterVale, Vale Sul e Colinas. O nível de confiança do levantamento é de 95% e margem de erro é de 4 pontos percentuais, para mais ou para menos.

Números otimistas

Pelo levantamento, 70,2% dos comerciantes da cidade acreditam que as vendas de fim de ano de 2018 superem o patamar do ano passado. Comparado com 2017, a expectativa positiva dos lojistas teve um crescimento significativo –70.2% atuais contra 40,2% no ano passado. Mais: 23,3% esperam um patamar de vendas igual a 2017 e 5,1% acreditam em vendas piores.

Além disso, 72% dos lojistas disseram que planejam contratar mão-de-obra temporária para este Natal. Desse universo, 44,5% das lojas devem abrir uma vaga temporária e 30,3% projetam abrir duas vagas. Levando em conta que São José dos Campos tem cerca de 9.800 estabelecimentos comerciais, o setor pode gerar cerca de 7.000 vagas temporárias este ano.

“Os números mostram que devemos ter um Natal excelente para o comércio em São José dos Campos, um dos melhores dos últimos anos”, disse o presidente da Associação Comercial e Industrial, Humberto Dutra.

Outros números

O levantamento ACI/Unitau revela ainda que os lojistas reforçaram os estoques para este Natal (50,9%) e esperam que cada consumidor compre, em média, dois presentes (60%), com um tíquete médio de R$ 100 a R$ 200 (40%).

Jesse Nascimento

Veja mais:

WhatsApp chat